Este artigo identifica os processos fundamentais que estão por trás do desenho urbano. Regras são derivadas a partir dos princípios conectores da teoria da complexidade, do reconhecimento de padrões e da inteligência artificial. Todo assentamento humano pode ser decomposto em nós de atividades humanas e nas suas interconexões. As conexões são então tratadas como problemas matemáticos (aqui de uma maneira qualitativa). O desenho urbano tem mais sucesso quando ele estabelece um certo número de conexões entre nós de atividades. A matemática depende do estabelecimento de relações entre idéias, sendo esta habilidade um componente central na inteligência dos seres humanos. A criação do ambiente construído é dirigida por forças análogas àquelas que nos orientam a fazer matemática